Os purificadores de água consomem muita energia? Mito ou Verdade?

Os purificadores de água consomem muita energia? Mito ou Verdade?

Hoje em dia, uma das nossas maiores preocupações são os gastos de energia que os aparelhos consomem. As taxas de contas de energia estão cada vez mais altas, em parte devido à escassez de chuva. Essa falta não reabastecem as usinas hidrelétricas, mas também por causa de outros impostos.

Pensando nessa necessidade de economizar energia é que muitos cidadãos abrem mão de determinados aparelhos para controle das contas. Por isso na hora de comprar algum eletrodoméstico procuram por aqueles que consomem pouca energia.

E uma das grandes questões que pairam na sociedade é que os purificadores de água consomem muita energia, o que evita as pessoas de comprarem o aparelho. No entanto, nesse artigo você verá que isso não passa de um mito. E apresentaremos três eletrodomésticos que gastam bem mais do que os purificadores. Vamos conferir?

Ferro de passar roupas

Aposto que você ficou surpreso! O ferro de passar roupas é um dos grandes vilões no consumo de energia e muitas das vezes nem nos damos conta disso! Por não usarmos o ferro constantemente, cria-se a ilusão de que ele causa poucos gastos. No entanto, isso não é verdade. Algumas horas de uso já são capazes de trazer uma boa diferença na sua conta no final do mês. Isso porque é um aparelho que demanda muita energia por aquecer em altas temperaturas. Se compararmos com o purificador, cada hora de ferro ligado consome energia suficiente para purificar e refrigerar até 300 litros de água!

Microondas

O aparelho de microondas é muito presente nas casas devido à sua praticidade. Basta tirar qualquer alimento da geladeira, aquece-lo por alguns minutos e ele estará pronto para o consumo. Por ser um equipamento tão comum, às vezes, não nos damos conta dos gastos que ele pode gerar. Se compararmos ao purificador de água, por exemplo, o microondas gasta (para 1h de funcionamento) 325 vezes mais do que o necessário para purificar e refrigerar 1 litro de água!

Bastante coisa, não é mesmo?

Geladeira

A geladeira é um aparelho fundamental na casa de todos. Ele consome, em média, 60kWh, enquanto que um purificador eficiente consome 0,40 kW por litro refrigerado. Uma hora de funcionamento da geladeira corresponde a um gasto de 1500 vezes mais do que o necessário para refrigerar um litro de água.

Mas como economizar se esse é um aparelho imprescindível que não pode ser desligado?

Uma das causas desse gasto de energia é o ato de abrir e fechar a porta da geladeira constantemente, principalmente no verão em que a vontade de tomar água refrigerada só aumenta devido ao calor. Esse alto consumo de energia se resulta do fato de que quando a porta é aberta, o ar quente entra e gera mais esforço para que a geladeira mantenha sua temperatura ideal. E é nesse momento que o purificador de água é a escolha certa, pois consome muito menos energia e irá abolir esse ato de abrir e fechar a porta para beber água, economizando na conta no final do mês.

Gostou? Então saiba mais em Qual é a diferença entre filtro e purificador de água? e Como escolher um bom filtro?

Compartilhe esta postagem

Comment (1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


×
Olá 👋
Nós podemos ajudar você?